E-mail: atendimento@aep.net.br
WhatsApp: +55 11 94277-9889

Conheça 15 ferramentas do LinkedIn fundamentais para sua estratégia de Marketing Digital

Marketing de Conteúdo – Selecionamos as 15 melhores ferramentas do LinkedIn, a rede social do mundo corporativo, para te auxiliar na geração de vendas e criação de relacionamentos reais com o público do seu negócio.

Confira também no blog da A& Publicidade: Google Mobile First Index: já está valendo, e agora?

Você já usa o LinkedIn como ferramenta de negócios?

Muita gente ainda comete o grande engano de achar que a rede, uma das maiores do mundo, serve apenas para quem está em busca de um novo emprego ou quer contratar.

A rede vai muito além disso. Aliás, esse é um dos melhores canais de vendas que você pode usar, principalmente se o seu segmento for B2B.

O Social selling, conceito que vem ganhando cada vez mais força no mundo inteiro, está relacionado diretamente as condições favoráveis que redes como o LinkedIn criam para gerar novos negócios.

E se você leva a sério esse canal dentro do seu processo comercial, ou pretende começar a investir pesado nele, vai precisar de boas ferramentas.

Por isso, vamos ver agora nada menos que 15 ferramentas para usar na sua estratégia do LinkedIn a fim de gerar novos negócios.

15 ferramentas para impulsionar sua força de negócios no LinkedIn

Para conseguir resultados concretos de negócios no LinkedIn, você precisa de, pelo menos, dois elementos:

  • uma rede de contatos ampla e ativa (o famoso networking);
  • autoridade no segmento de mercado em que atua.

Sob esses dois pilares é possível construir relacionamentos reais que geram oportunidades de negócios ou mesmo abordar possíveis clientes e parceiros e, assim, iniciar negociações com eles.

As ferramentas a seguir vão ajudar você com esses dois elementos. São elas:

1. LinkedIn Sales Navigator

O Sales Navigator é uma ferramenta oferecida pelo próprio LinkedIn, e foi colocado em primeiro lugar nessa lista por ser o melhor ponto de partida possível.

Com essa ferramenta, você ganha um conjunto de recursos úteis, como:

  • ideias para nortear o seu processo comercial dentro da rede;
  • algoritmo avançado que ajuda a encontrar os melhores prospects para a solução que você vende;
  • ferramentas de aproximação e engajamento, para pavimentar o caminho até uma futura venda;
  • entre outros.

2. Social Selling Index

O Social Selling Index, também conhecido como SSI, é um indicador criado pelo próprio LinkedIn para mostrar qual é a força do seu perfil para realizar vendas sociais.

Os critérios de análise são os 4 elementos fundamentais das vendas sociais:

  • marca profissional;
  • capacidade de encontrar as pessoas certas;
  • socialização, ou seja, o quanto a pessoa interage e contribui de forma relevante com comentários, publicações e compartilhamentos;
  • e, por fim, a habilidade de criar relacionamentos com decisores e fortalecer a credibilidade.

É só clicar no link do SSI e ver sua análise, de graça. Depois basta fazer ajustes de acordo com a avaliação. Quanto mais forte o seu índice, melhores suas chances de vender mais.

3. Discoverly

E se em vez de saber apenas as informações sobre o perfil do LinkedIn de um prospect, você tivesse acesso a dados sobre seu perfil do Facebook ou Twitter?

É isso que o Discoverly faz, amplia o seu leque de informações sobre as redes sociais de qualquer pessoa.

Dessa forma, seu time de vendas conseguirá encontrar mais pontos em comum para estabelecer um relacionamento com sucesso. O Discoverly funciona como extensão do Chrome, é só baixar e usar.

4. Crystal

O app que te conta a personalidade de qualquer pessoa”.

Essa é a descrição do Crystal, aplicativo que oferece análises de personalidade sobre seus possíveis clientes para que você saiba como lidar com cada um deles da forma mais eficaz e assertiva possível.

Assim, é só usar o Crystal para analisar os perfis de pessoas que você deseja abordar e ele mostrará o melhor caminho para isso.

5. Leadfeeder

Assim como na maioria dos casos, grande parte do seu tráfego orgânico provavelmente vem de pessoas que não tomam ação alguma. O que fazer com esses visitantes que se perderam?

Com o Leadfeeder, você consegue capturar dados importantes sobre esses usuários anônimos, como a empresa em que trabalham e contatos comuns no LinkedIn.

Com base nisso, você pode direcionar seus contatos de forma personalizada para os decisores dessas empresas.

6. SalesLoft

A ideia do SalesLoft é integrar várias ferramentas de vendas em um só ambiente, no qual você possa gerenciar todo o seu processo comercial de forma centralizada.

Isso inclui soluções que citamos nessa lista, como Crystal, LinkedIn Sales Navigator e até sistemas de CRM, como Salesforce.

Se você busca uma interface única para integrar todas as suas soluções de vendas para o LinkedIn, esse pode ser o lugar ideal.

7. Voogy

Parecido com o Leedfeeder, o Voogy é uma plataforma que ajuda você a identificar quem visitou seu site e qualificar os que têm maior probabilidade de comprar, para que você possa falar com eles de forma personalizada.

Dá para usar esses relatórios do Voogy, se conectar com os leads recém-adquiridos no LinkedIn e iniciar conversas produtivas com eles.

De forma simplificada, o Voogy serve como uma ferramenta de prospecção automatizada, que corta caminhos e dá ao seu time as melhores oportunidades.

8. eLink Pro

Você se lembra que falamos sobre como o tamanho da sua rede também influencia na quantidade de negócios que conseguirá gerar no LinkedIn?

É claro que esse não é o caso de 100% das pessoas. Mas se você quiser automatizar e hackear o aumento da própria rede, essa extensão do Chrome funciona assim:

  1. O eLink visita milhares de perfis por semana, como se fosse você que estivesse fazendo isso pessoalmente;
  2. A pessoa vê que você visitou o perfil dela. A tendência é que muita gente visite o seu perfil em retorno;
  3. Muitas dessas pessoas podem se conectar com você espontaneamente, ou até entrar em contato para saber mais sobre sua solução por conta de algo que viram em seu perfil.

9. IFTT

O conceito do IFTT é bem simples: você cria “cadeias de eventos” para automatizar tarefas simples e gerar maior impacto.

Por exemplo, que tal automatizar o compartilhamento de artigos, para que todos os artigos que você recomendar no Medium sejam diretamente compartilhados com sua rede no LinkedIn?

Essa é apenas uma das várias opções de eventos que você pode automatizar para causar maior impacto com pouco esforço.

10. Código QR do perfil

Tudo que ajuda a eliminar a fricção deve ser encarado com bons olhos, e um recurso nativo do LinkedIn pode ser usado muito bem para isso.

Se você estiver num evento ou reunião de negócios, ainda assim pode apresentar seu perfil do LinkedIn como cartão de contato virtual.

Para isso, é só usar o código QR do perfil, que fica ao lado direito do campo de busca do aplicativo. Outra opção é imprimir esse código no seu cartão de visitas físico.

 

11. Guru

O que você faz com as informações que encontra nos perfis que visita? O Guru avalia esses dados, avalia sua precisão e oferece insights valiosos que os seus vendedores podem usar.

O segredo para as vendas sociais está em estabelecer conversas produtivas e gerar valor antes de tentar empurrar um produto ou serviço. Com o Guru, seu time saberá o que dizer e quando dizer.

Além disso, o Guru ajuda você a encontrar novos prospects do mesmo segmento em que seus atuais clientes atuam.

12. Dux-soup

O Dux-soup é uma ótima ferramenta para automatizar várias atividades comuns no LinkedIn. Isso inclui visitar perfis, recomendar habilidades, seguir atividades e até enviar mensagens personalizadas.

Depois disso, você pode assumir pessoalmente a conversa com as pessoas que se mostraram mais dispostas a conversar.

Também dá para fazer upload dos dados de perfil das pessoas diretamente no seu CRM e fazer anotações sobre cada um.

13. LeadFuze

Ao mesmo tempo em que ter milhões de pessoas com as quais se conectar é bom, pode ser também uma forma de se perder e acabar sem resultados reais.

O LeadFuze ajuda você a coletar leads qualificados a partir do LinkedIn, sem fazer nada além de uma busca simples.

Além de coletar os leads, é possível também enviar e-mails automáticos e fazer follow-up deles.

14. Nimble

O Nimble é, basicamente, um CRM que pode ser usado com foco nas redes sociais.

Assim, o sistema ajuda a gerenciar seu relacionamento com os contatos e prospects de forma mais organizada, indo além das fronteiras do LinkedIn para coletar informações sobre eles.

Dá para ver quem está no pipeline, quais eventos importantes aguardam seus contatos (a fim de iniciar conversas com eles) e várias atividades importantes.

15. Detective

O nome deste aplicativo não poderia ser mais preciso, já que ele faz um relatório com tudo que pode ser encontrado sobre o possível cliente.

Dessa forma, você vai saber de tudo antes de começar aquela reunião importante ou mesmo antes de iniciar uma conversa.

E não estamos falando apenas sobre informações profissionais. Vendas são feitas de pessoa para pessoa, então saber hobbies e interesses do prospect também é valioso.

Uma boa estratégia de vendas para o LinkedIn depende da reputação que você será capaz de construir na rede, assim como dos processos que usará para abordar pessoas e gerar negócios. As ferramentas vistas aqui ajudam em toda a sua jornada, agora é só montar seu arsenal e começar a usá-lo.

Fonte original do texto: Marketing de Conteúdo – https://marketingdeconteudo.com/ferramentas-do-linkedin/

Confira também no blog da A& Publicidade: Nova ferramenta do Google mostra o que seu site precisa para rankear melhor!